Em solenidade realizada no final da tarde desta terça-feira, 17, o governador Gladson Cameli entregou 110 rádios comunicadores, 65 motocicletas e 60 nobreaks para a Polícia Militar do Estado do Acre (PMAC). O evento aconteceu em frente ao quartel do Comando-Geral da instituição.

Também foram entregues 134 microcomputadores para a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) e 57 Headsets, 35 telefones voip e 2 tradutores de protocolos para o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC). A entrega dos equipamentos visa reforçar o sistema de segurança pública da capital e municípios do interior.

O investimento com os equipamentos é de mais de R$ 2,4 milhões, sendo que somente com as 65 motocicletas foram investidos R$ 1.970.500,00 na segurança pública estadual. Na ocasião, o governador e o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Santos, entregaram um capacete ao comandante-geral da PMAC para simbolizar a entrega das motocicletas.

Em seu discurso, Gladson agradeceu aos policiais por cumprirem o papel de proteger a população dia a dia, diante de um ano atípico que envolve uma pandemia e as eleições municipais. “Eu quero dizer aos nossos policiais que eu ainda tenho muito o que fazer. Eu sei dos meus compromissos, sei das minhas reafirmações. Se tem uma coisa que eu não paro e vou lutar até o fim é para fazer com que vocês se sintam mais valorizados. E quando eu digo vocês, não são somente os policiais, são todos os servidores públicos”, afirmou.

O governador aproveitou o momento para informar que tratativas estão sendo feitas no sentido de pactuar novas estratégias e estabelecer cronograma para solucionar a problemática da titulação dos policiais. “Eu quero uma resposta sobre esse assunto. Reconhecer e traçar as metas para que vocês possam ter uma resposta de uma vez por todas”, disse Gladson.

O comandante-geral, Paulo César Gomes, agradeceu pelo apoio disponibilizado pelo governador à Polícia Militar e destacou que esta não é a primeira entrega do ano e que certamente não será a última. “Nós temos também a instalação do xadrez nas viaturas, para a utilização da nossa corporação. Temos o aluguel de novas viaturas, através da Secretaria de Segurança Pública, a aquisição de viaturas através da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e, também, outros projetos para o próximo ano”, disse.

Para o secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Santos, a entrega dos equipamentos traz consigo uma série de objetivos, uma vez que o policiamento com motocicletas se tornou, ao longo dos últimos anos, a estratégia mais eficaz de combate aos crimes urbanos. Ele reafirmou que é necessário investir na frota e que o projeto foi idealizado no sentido de garantir uma estratégia diferenciada.

“O projeto também envolve a retomada do policiamento comunitário, que permitirá que a PM aumente seus tentáculos no sentido de atingir realmente quem interessa, que é a comunidade”, afirmou o secretário. Ele destacou que a licitação envolve a aquisição de 200 motocicletas e a ideia é manter a continuidade de aquisição até sua integralidade.

Paulo Cézar também ressaltou que o projeto teve o embrião formado dentro da própria Polícia Militar e as especificações dos equipamentos adquiridos no momento foram integralmente construídas no âmbito da corporação. “Nós estamos agindo no Sistema de Segurança respeitando os interesses institucionais de cada força. Acreditamos que com essa medida nós vamos dar uma resposta não só aqui como no interior”, disse.

O secretário ainda afirmou que até o final de 2020 haverá entregas de equipamentos para os setores de Inteligência da PMAC na capital e no interior. Também serão entregues 43 viaturas com xadrez, locação de mais 15 viaturas, sendo 12 para o rádio patrulhamento e três para o policiamento com cães. “O conjunto de aquisições que será executado até o fim deste ano deve envolver um investimento de cerca de R$ 41 milhões”, frisou o secretário.