Mesmo sendo a eleição com maior abstenção da história, os candidatos eleitos obtiveram votações significativas, mas por outro lado teve candidato que sequer chegou a 100 votos. Veja quem são;

Em Plácido de Castro a eleição foi vencida pelo professor Camilo Souza (PSD) com 3.838 votos, sendo 40,78% e sagrou se o vencedor da disputa. Já em último lugar ficou advogada Joana D’arc (PSL) fez uma campanha discreta e sem apoio da direção estadual, obteve apenas 94 votos.

Joana teve problemas e muita confusão em sua campanha, gravou diversas lives afirmando estar sendo ameaçada e perseguida e nesse ambiente não conseguiu agregar apoio para fazer uma boa disputa.

O segundo colocado foi o folclórico comunicador R7 (Intitulado: Menino da Bicicleta), que disputou a eleição em Tarauacá e ficou em último lugar com 57 votos.

R7 sequer tinha uma chapa de vereadores e seu material de campanha era fruto de doações de amigos, segundo o que o próprio publicava nas redes sociais.

O desempenho de R7 e Joana D’arc, deve servir de exemplo para os que pleiteiam disputar eleições majoritárias nos próximos anos. Antes de pensar, veja se o seu partido não vai te deixar na mão e fazer passar por tamanho constrangimento.

As informações sobre o desempenho dos candidatos a prefeito em todos os municípios, estão disponíveis no site do TSE.