A Escola Mário Lobão, localizada no bairro Alto Alegre, e o Centro de Educação Infantil (CEI) Maria Estela Marques, no bairro Eldorado, foram classificadas em segundo e terceiro lugar, respectivamente, pelo estado do Acre.

“Nós consideramos que esse prêmio é um resultado muito importante obtido pelas nossas escolas, uma vez que estamos num período de pandemia, mas mesmo assim gestores, professores e toda a equipe estão realizando um trabalho de excelência.”, comentou a secretária municipal de Educação, Vômea Araújo.

Em 2020, devido à pandemia da Covid-19 o tema foi “Como as escolas estão enfrentando o desafio do afastamento social para manter o vínculo entre os atores escolares?”, cuja ideia era reconhecer e valorizar as escolas que estão se empenhando na solução dos desafios impostos pelas medidas de isolamento social implementadas para combater a proliferação do novo coronavírus.

O prêmio teve como diferencial, a valorização das escolas que estão se empenhando na solução dos desafios impostos por este período delicado, de forma criativa, inovadora e comprometida com a continuidade da aprendizagem dos alunos e do apoio aos professores e colaboradores.

“Nosso diferencial foi em tempos de pandemia irmos até os alunos nos ramais de difícil acesso e onde o carro não entra, vamos de bicicletas para levar o ensino até os alunos.”, disse a gestora da Escola Mário Lobão, Cheila Maria de Souza Lima

Já o CEI Maria Estelas Marques se destacou pela eficiência na realização das atividades remotas na educação infantil.

Além do gestor das escolas, são premiados o coordenador pedagógico e quatro professores que formam as equipes escolares.

O Prêmio Gestão Escolar tem 22 anos e é uma organização do Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), em conjunto com a Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e a União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), que visa reconhecer e premiar ações inovadoras nas escolas brasileiras.

Foi criado para estimular a melhoria da gestão das escolas públicas, reconhecer boas práticas, incentivar o aprimoramento dos processos de gestão e promover ações que possibilitem o intercâmbio de experiências entre os gestores e, desta forma, multiplicar e dar visibilidade para boas estratégias.