Assessoria – Mesmo em meio a vivência da pandemia causada pelo novo coronavírus é preciso atenção a outros cuidados com saúde. Neste mês de outubro, alusivo ao combate contra o câncer de mama, a Prefeitura de Rio Branco irá realizar programação reforçando a importância do diagnóstico precoce da doença.

O Câncer de Mama é o mais incidente na população feminina mundial. Entretanto, se for descoberto precocemente, o tratamento é mais eficaz, podendo evitar terapias mais agressivas e reduzir a mortalidade.

Este ano, a campanha “Outubro Rosa” tem como objetivo reforçar quanto às formas de prevenção, orientar sobre o autoexame e fornecer informações sobre o tratamento e diagnóstico precoce para aumentar as chances de cura.

Saúde da Mulher

Durante todo o ano, as Unidades Básicas do sistema de saúde da capital ofertam atendimentos voltado à saúde da mulher. Ao longo de todo o mês de outubro, os atendimentos são intensificados com ações educativas.

Consultas médicas, consultas de enfermagem, agendamento de mamografia, coletas de PCCU, testes rápidos de HIV, Sífilis, Hepatite-B e C, aferição de pressão arterial e glicemia capilar, serão realizados com horários agendados, respeitando todas as orientações de saúde no combate ao novo coronavírus. Já os exames de mamografia são realizados diariamente no Centro de Apoio e Diagnóstico – CAD e Centro Oncológico do Acre – Cecon.

Câncer de Mama no Brasil e no Acre

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer – INCA, o Brasil terá 625 mil novos casos de câncer a cada ano do triênio 2020-2022. Comportamentos não saudáveis como fumar, consumir bebidas alcoólicas, sedentarismo e manter dieta pobre em vegetais também aumentam o risco da doença.

No Estado do Acre, no ano de 2019, foram contabilizados 863 casos novos de câncer. Entre as mulheres, o mais frequente foi o câncer de colo do útero (125 casos), seguido do câncer mama (87 casos) e (1) caso em homem. Quanto aos óbitos, 31 óbitos em mulheres por câncer de mama e 46 por câncer de colo do útero.

Não existe uma causa única para o câncer de mama, que é mais comum em mulheres (apenas 1% dos casos são diagnosticados em homens) e tem na idade um dos mais importantes fatores de risco para a doença.

Dos vários estudos realizados, descobriu-se que adotar medidas simples no dia a dia, pode ajudar na prevenção do câncer em até 30%. Evitar o cigarro, praticar atividades físicas de forma regular, monitorar o peso corporal, evitar bebidas alcoólicas e amamentar, são exemplos de formas de precaução.

Programação

URAP Eduardo Assmar – 14 de outubro, das 8 às 12 horas;

URAP Rosângela Pimentel: todos os sábados realizam atendimento especial às mulheres;

URAP Claudia Vitorino – 23 de outubro, das 8 às 17 horas;

Live Prevenção e Detecção Precoce do Câncer de Mama na Atenção Básica – 14 de outubro – plataforma google meet.