Um trabalho de rotina desenvolvido por homens do Grupo de Intervenções Rápida e Ostensiva – GIRO, na BR-317 (Estrada do Pacífico), durante a noite desta quarta-feira, dia 7, parou um táxi lotação que vinha do município de Assis Brasil, localizado na fronteira com o Peru e Bolívia, rumo à Capital do Acre.

Dentro do veículo, havia dois homens de nacionalidade brasileira que passaram a demonstrar nervosismo com a presença de policiais na estrada. O motivo logo foi descoberto ao iniciarem uma vistoria de rotina no bagageiro e um forte cheiro.

Dentro de sacos, foi descoberto cerca de quatro pacotes grandes que somaram quase 20 quilos depois da pesagem. O motivo do nervosismo, seria que a grande carga de droga ‘Skunk’, uma espécie de ‘maconha turbinada’.

A dupla foi presa em flagrante delito e para piorar, dentro de outra bolsa, havia um ‘tijolo’ de cocaína pura. Toda a carga e a dupla foi algemada e conduzida para a delegacia da Polícia Federal em Epitaciolândia, onde foi efetuado o Boletim de Ocorrência (B.O.).

Ao ser pesada, a maconha turbinada pesou 19.430g e a cocaína, pouco mais de um quilo. O taxista foi ouvido como testemunha, sendo liberado pouco depois de ser ouvido pelo delegado da Polícia Federal.

Foi comentado que a dupla (nomes não identificados), já tem passagem pela Justiça do Acre por vários crimes. Os acusados fora levados fazer exames de corpo delito e seriam transferidos  para o presídio na Capital, onde ficaram à disposição da Justiça.

Por Alexandre Lima / oaltoacre