A repercussão positiva da visita do vice-presidente da República, general Hamilton Mourão, ao Centro Integrado de Geoprocessamento e Monitoramento Ambiental (Cigma), realizada no mês de setembro de 2020, continua atraindo visitas ilustres para conhecer o trabalho da equipe do governo do Acre. Nesta segunda-feira, 5, o comandante da 17ª Brigada de Infantaria de Selva, Brigada Príncipe da Beira, general Luciano Batista de Lima, e comitiva do Acre, Rondônia e Amazonas participaram de agenda ambiental no local.

O Cigma foi apresentado pela diretora-executiva da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), Vera Reis Brown, e pelos técnicos Cláudio Cavalcante, Antônio Marcos Costa da Silva e André Pellicciotti. Na oportunidade, o general Lima, que inclusive fez parte da comitiva da última visita do general Mourão ao Acre, parabenizou a equipe pelo trabalho desenvolvido utilizando as tecnologias disponíveis em plataformas gratuitas e apresentou o aplicativo Guardiões da Amazônia.

Esta ferramenta digital foi concebida de forma integrada entre a 17ª Brigada de Infantaria de Selva e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), com apoio do Conselho Nacional da Amazônia Legal (CNAL). “Assim como o aplicativo Guardiões da Amazônia, que tem o objetivo de proteger a floresta amazônica contra os ilícitos ambientais, os produtos do Cigma oferecem informações para agir em campo de forma pragmática e objetiva”, disse o general Lima.

O secretário de Estado de Meio Ambiente, Israel Milani, destacou o potencial da equipe do Cigma, inclusive na capacidade de repassar o conhecimento. “Depois da visita do vice-presidente, ele falou que as equipes de órgãos federais iriam visitar o Cigma para conhecer a metodologia aplicada e essa é a primeira visita técnica, com a equipe do general Lima e já temos outras equipes confirmadas, a exemplo da Polícia Federal, nesta terça-feira”.

A diretora-executiva do Instituto de Meio Ambiente (Imac), Adelaide de Fátima Gonçalves de Oliveira, e o comandante do Batalhão de Policiamento Ambiental da Polícia Militar (BPA/PMAC), major Kleison Albuquerque, também acompanharam a visita técnica.