Teve início nesta segunda-feira, 5, a Campanha Nacional de Multivacinação, que tem por objetivo atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes menores de 15 anos de idade (14 anos 11 meses e 29 dias), de acordo com as indicações do calendário nacional de vacinação.

Os alvos da campanha contra poliomielite são crianças de um ano até menores de cinco anos de idade. “No estado, a meta é alcançar 64.196 crianças, que deverão ser vacinadas indiscriminadamente com a vacina oral poliomielite (VOP), desde que já tenham recebido as três doses de vacina inativada poliomielite (VIP) do esquema básico”, explica Renata Quiles, coordenadora do Programa Nacional de Imunização (PNI) no Acre.

A ação envolve as três esferas gestoras do Sistema Único de Saúde (SUS), contando com recursos da União, das secretarias estaduais de saúde (SES) e Secretarias Municipais de Saúde (SMS).

Vacinas ofertadas

Na multivacinação são ofertadas, para crianças de até sete anos de idade, a BCG, hepatite B, penta, pólio inativa, pólio oral, rotavírus, pneumo 10, meningo C, febre amarela, tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola). A  tetra viral (sarampo, caxumba e rubéola e varicela)  DTP, hepatite A, varicela.

Vacinas do calendário da criança a partir dos sete anos de idade e do calendário do adolescente: hepatite B, febre amarela, tríplice viral, difteria e tétano adulto, dTpa, meningocócica ACWY, HPV quadrivalente e varicela.

Informe técnico: INFORME TÉCNICO 12.2020 – POLIO E MULTI (1)