A líder do PCdoB na Câmara dos Deputados, deputada federal Perpétua Almeida, disse que o governo federal pretende alterar a Constituição para reduzir percentuais de investimentos na Saúde e na Educação. Ela pontuou que vai mobilizar a população e as entidades de classe para se posicionarem contra esses cortes.

“Na pandemia ficou comprovado que o SUS impediu a morte de muitos outros brasileiros. Defender o SUS é defender recursos da Saúde na Constituição. Para ter Educação de qualidade nós precisamos do Fundeb. Não tem nem três meses que nós aprovamos o Fundeb, está na Constituição e o governo agora já quer reduzir os recursos, mudando a Constituição?”, questiona a parlamentar.

Almeida falou a respeito do novo programa social do governo federal, o Renda Cidadã. Disse que o governo Bolsonaro além de minar os recursos da Educação, “pretende adiar precatórios deixando suas dívidas para outros governos pagarem. Não dá para concordar com essa proposta do governo”. Fonte: Notícias da Hora