Faltando poucas horas para iniciar a convenção do PSB e PDT, aliança a qual o PCdoB estaria inserido, o partido foi informado da decisão de que seria rifado da coligação. Especula – se que uma grande operação vinda da Casa Civil foi o fator preponderante para o desfecho.

O PCdoB tem peso na capital e tem como maior liderança a deputada federal Perpétua Almeida, única parlamentar federal da esquerda que se elegeu na eleição de 2018, com votação expressiva em Rio Branco.

O partido também tem o vereador Eduardo Farias e o deputado estadual Edvaldo Magalhães, ambos com boa influência no eleitorado da capital.
Informações de que o partido deve soltar comunicado oficial ainda nesta terça-feira (15), apontando que rumo os comunistas acreanos irão tomar a partir da saída da aliança com PSB de Socorro.