O deputado estadual Jenilson Leite ( PSB), médico infectologista, autor do requerimento que solicitou a prorrogação do auxílio insalubridade temporário para os profissionais de saúde e da área de segurança pública, comemorou o resultado positivo do seu pedido. O anúncio da continuidade do pagamento foi anunciado pelo governador Gladson Cameli.

O bônus para os funcionários dessas áreas é de R$ 420 mensal.

Além da continuidade do pagamento para os trabalhadores de saúde, o governador também determinou que os servidores da Segurança Pública e do Procon também serão beneficiados. O Projeto de Lei de Auxílio Temporário de Emergência em Saúde (ATS), que institui o pagamento de R$ 420 por um período de três meses foi encaminhado pelo Poder Executivo à Assembleia Legislativa (Aleac) e aprovado em sessão realizada no dia 24 de maio.

Jenilson apresentou o requerimento no dia 29 de julho solicitando a prorrogação, haja vista que seria o último mês do pagamento dos três correspondente ao projeto aprovado na ALEAC. Vale lembrar também que o infectologista foi o primeiro político acreano a propor que o Estado do Acre concedesse essa bonificação aos profissionais que lideram a luta contra a covid-19.

” Fico muito feliz em saber que nosso pedido está sendo atendido. Essas classes são verdadeiros heróis. Nós sabemos que eles merecem muito mais pelo trabalho que fazem. Arriscar a própria vida para salvar outras não tem preço. Agradeço ao governador por ter tido essa sensibilidade”, comemora Jenilson.