Uma mulher identificada como Sonia Oliveira da Silva, de 34 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (17) no quilômetro 3, da BR-364, em Cruzeiro do Sul. Ela foi atropelada por uma caminhonete que era conduzida pelo deputado estadual Luiz Gonzaga (PSDB). Outra mulher ficou ferida e foi levada ao Hospital do Juruá.

A Polícia Militar informou que o deputado conduzia a caminhonete e disse que a condutora da motocicleta fez uma conversão para retornar e que ele ainda teria tentado desviar para evitar a batida, mas não conseguiu.

Ainda de acordo com a PM, o deputado contou que buzinou para alertar a motociclista e que devido à velocidade não deu tempo de frear o veículo. Na tentativa de não bater nas duas, ele ainda teria jogado o carro para a contra mão, mas acabou atingido a motocicleta com a parte frontal direita do veículo.

A motociclista, segundo a PM, não tinha habilitação e morreu no local. A outra mulher que estava no moto foi levada ao Hospital em Cruzeiro do Sul com algumas escoriações. O deputado não teve ferimentos. Segundo a PM, ele sofreu uma queda de pressão e também foi para o hospital.

No carro com Gonzaga estavam três pessoas, uma delas era a esposa dele. A PM falou que ninguém se feriu. A reportagem tentou contato com o deputado, mas até a última atualização desta reportagem não obteve resposta.

A PM contou ainda que o local do acidente é de atribuição da Polícia Rodoviária Federal (PRF), mas foi atendida pela PM para que fosse mantida a ordem pública e ocorresse a liberação do trânsito no local. Por Alcinete Gadelha, G1 Acre