O Secretário Geral do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Carlinho Nogueira, se envolveu em mais uma polêmicas na redes sociais durante um debate com o ex-vereador Bil Rocha (Progressista), a respeito da lideranças do partido do Governador Gladson Cameli (PP).

Em áudio, Carlinho (que é o braço direito de Aldemir Lopes e que inclusive hoje faz parte da executiva municipal), gargalhando questiona se existe outras lideranças no PP, ironizando o ponto de vista do ex-vereador Bil (que é membros do PP, e ficou ofendido com o pensamento do secretário do MDB).

Nogueira ainda vai além quando pede que Bil cite essas lideranças, pois segundo ele a única liderança do partido é o vereador Joelso. Dando a entender que neste processo eleitoral em que o vereador Joelso poderá ser o pré-candidato a vice-prefeito em uma chapa encabelada por Leila Galvão representando o MDB, o resto dos membros do partido não importam.

É evidente que o PP de Brasileia é um partido composto por várias lideranças, pois além do ex-vereador Bil Rocha, o PP também tem como membro, Vagner Galli, que além de ex-vereador também foi presidente da Câmara municipal de Brasileia. O PP é um dos partidos que hoje tem uma chapa completa de pré-candidatos a vereadores para a disputa deste ano.

Mas já que para Carlinhos Nogueira, a única liderança do PP é o vereador Joelso e o parlamentar já está firmado com o MDB, o resto dos membros do partido são insignificantes e tanto faz estarem de um lado ou de outro, pois o secretário Geral do MDB não dá a mínima.

Ouça os áudios abaixo:

Áudio l – Ex-vereador Bil Rocha

Áudio ll – Carlinhos Nogueira

Áudio lll – Ex-vereador Bil Rocha

Áudio lV – Carlinhos Nogueira

Diante da posição de Carlinhos, o MDB na pessoa do presidente municipal Antônio Pacífico viu a necessidade de fazer uma nota de esclarecimentos em nome do partido a respeito dos áudios do secretário geral do partido, onde afirma em nota que este é um ponto de vista pessoal de Carlinhos e não estar de acordo com a linha de pensamento e atuação do MDB.

Veja a nota emitida pela executiva municipal do MDB: