O Novenário em honra a Nossa Senhora da Glória padroeira de Cruzeiro do Sul, é a maior festa religiosa do estado do Acre e a segunda da região Norte, perdendo apenas para o Círio de Nazaré do Pará.

O Bispo da cidade Dom Flávio Geovanelli relatou as adaptações e dos desafios para realizar uma grande festa em tempos de Pandemia, que terá início com celebrações virtuais, com a presença apenas da equipe religiosa e de transmissão.

Abertura do novenário acontece nesta quarta-feira (05), com uma missa que será transmitida pelas redes sociais da Diocese e logo após o arteamento das bandeiras e a solenidade oficial, com a presença de autoridades da região.“Estamos fazendo tudo que é possível para levar a fé e alegria aos corações dos nossos fies, a Pandemia nos fez mudar a tradicional programação e as milhares de pessoas que participavam presencialmente da festa, terão que compreender a situação vivenciada. Vamos iniciar tudo on-line, daí de até o dia 15 as coisas melhorar, faremos celebrações com a presença de pessoas permitidas”, disse.

Outro fator diferente este ano, será a festa de encerramento que costumava ter até 50 mil pessoas na procissão. Este ano a Igreja programou uma carreata, que percorrerá todos os bairros da cidade, levando a Santa Padroeira.

A saída está prevista para acontecer dia 15 as 08:00 horas da manhã, com saída e chagada de frente a Catedral Nossa Senhora da Glória.