O vice-prefeito do município de Rodrigues Alves, Jailson Amorim (PROS), deve assumir a prefeitura nesta sexta-feira (31) em ato solene que deve ocorrer na prefeitura da cidade. Jailson disse que a posse vai ser apenas um ato simbólico para legitimar o ato que vai ser feito na prefeitura e não vai ter sessão.

De acordo com Jailson, a posse só vai ocorrer após o período dos três dias de luto que foi decretado na cidade, em virtude do falecimento do prefeito Sebastião Correia. “Primeiro de tudo a gente lamenta o ocorrido. Para nós do município é uma perda muito grande do prefeito e como sou o vice e o povo precisa que a gente dê continuidade e avanço nos serviços, vou assumir a prefeitura”, disse.

Mas ao assumir os trabalhos do executivo municipal, tudo leva a crer que, Jailson entrará com cara nova, pois trocará todo o secretariado que segundo informações, são quase todos de Cruzeiro do Sul e foram se aventurar em Rodrigues Alves.

Jailson deixou claro que tem compromisso com os munícipes de Rodrigues Alves, portanto, as secretarias da prefeitura devem ser ocupadas pelos rodriguesalvenses, pois no município tem pessoas totalmente capazes de ocupar tais cargos, e não buscar secretários de outro município como está atualmente.

O atual vice-prefeito é professor da rede estadual de ensino e está há sete anos e meio como vice, também já atuou como coordenador estadual de edução no município e disse que espera contribuir com o avanço da cidade.

“Alguns projetos que estão em andamento que eram dele, a gente vai dar sequência para chegar ao término e também vamos dar uma priorizada às pessoas que moram aqui com estudo, trabalho e também atuar de forma mais forte no combate a esse vírus, devido à pandemia que estamos enfrentando”, contou.

O novo prefeito, se preparava para concorrer o processo eleitoral deste ano pelo Partido Republicano da Ordem Social (PROS). Com a mudança repentina, ele assume a prefeitura e vai concorrer a reeleição no pleito de 2020.