Com o objetivo de buscar soluções para a retomada do turismo no Brasil a partir de bases tecnológicas, o Ministério do Turismo (MTur), em parceria com o Wakalua e com a Organização Mundial do Turismo (OMT), lançou o 1º Desafio Brasileiro de Inovação em Turismo para Startups.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Empreendedorismo e Turismo (Seet), entrou na campanha para estimular que startups locais desenvolvam tecnologias que possam ser utilizadas por viajantes e por empresas que oferecem serviços como hospedagem, deslocamento e mobilidade, geolocalização de destinos, lazer, passeios e visitações.

“Essa retomada do turismo é muito importante para a economia brasileira. Com a pandemia, tivemos uma queda de 97% em viagens turísticas em abril, segundo dados da Organização Mundial do Turismo (OMT). A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) calcula em R$ 87,79 bilhões os prejuízos no espaço de 3 meses no turismo brasileiro. Por isso, é importante o engajamento de todos para que o setor volte a crescer”, declarou a secretária de Empreendedorismo e Turismo do Acre, Eliane Sinhasique.

Os interessados já podem se inscrever no site: www.startups.turismo.gov.br, além de acessar também as regras da competição. O prazo de inscrição termina no dia 2 de setembro.

As dez startups que apresentarem as melhores tecnologias irão participar da 3ª edição da global UNWTO Tourism Startup Competition, Feira Internacional de Tecnologia em Turismo que deverá acontecer em janeiro de 2021, em Madri, na Espanha, com a participação de 160 países.

O propósito é gerar inovação, criar novos modelos de negócio e fomentar o crescimento sustentado do setor no Brasil.