Com lágrimas nos olhos, o médico Orlando H. Ramos Cardozo de Cobija gravou um vídeo onde fez um apelo desesperado ao governador do Acre Gladson Cameli, pedindo ajuda para a saúde do departamento de pando, que segundo ele, os pandinos estão totalmente a deriva e o departamento (estado) de Pando está totalmente largado e não tem situação mínima de manejo de alta complexidade.

Orlando que é ortopedista, afirma que a Unidade de terapia intensiva está colapsada, não tem medicação para sedação, não tem intensivistas que comandem esse tipo de procedimentos de alta complexidade e infelizmente o governo largou de mão do estado definitivamente.

“A gente está correndo, pedindo, apelando e eu venho aqui com maior respeito, pedir ao governador do Acre Sr. Cameli, por favor estenda a mão ao departamento de Pando!! Não temos medicação para sedação, não temos tubos endotraqueais para fazer entubação, não temos as coisas básicas, os pacientes estão morrendo por falta de sedação em Cobija. Não tem nada. Eu sei que a fronteira está fechada e que as políticas internacionais são muito complexas agora, mas talvez um forma de chegar um estoque, o sr. já tem seus problemas com o estado, com a sobrecarga que tem o Acre, os casos que tem o Acre, mas por favor, se tiver uma opção mínima que for, faça chegar alguma ajuda a Cobija”, desabafou o profissional.

Lamentavelmente, o estado de Pando enfrenta uma situação deplorável com diante do abandono do atual governo que apesar de ter sido eleito pelo povo, hoje deixa-os sofrer a míngua diante da situação em que o mundo enfrenta hoje.

Veja o Vídeo: