Desde o inicio do decreto que determina o isolamento das pessoas do Estado do Acre para evitar a proliferação do novo coronavírus, alguns hábitos passaram a fazer parte do nosso cotidiano, como a utilização de máscara, evitar contatos mais próximos como aperto de mão e até abraço, além do uso de álcool em gel ou pelo menos deveria ser assim.

Com o passar do tempo, muitas pessoas acabaram relaxando com os cuidados, mesmo sabendo do perigo eminente se contrair o vírus que ainda não se tem uma vacina para cura.

Pensando em assegurar a integridade dos servidores públicos e a população que busca serviços nas repartições públicas de Rio Branco, o presidente e vereador Antônio Morais (PSB) apresentou o Anti Projeto que estabelece, que toda repartição pública da capital possua a disposição da população e servidores, o álcool em gel fixo no pedal de gel, desenvolvido para evitar que as pessoas toquem com as mãos no produto.

“As pessoas passaram a se descuidar com os cuidados para evitar que a doença se espalhe. Para proteger os servidores que estão trabalhando para que os serviços não parem e para proteger a própria população, estou pedindo por meio do anti projeto, que toda repartição publica e autarquia da prefeitura seja instalado o toten pedal com álcool em gel, onde as pessoas terão possibilidade de se resguardar mais”, disse Morais.

O projeto foi encaminhado para as comissões e procuradoria, onde após avaliação do projeto, será encaminhado para o plenário e votação dos demais parlamentares.