André Saraiva da Costa, de 34 anos, foi morto na noite desta segunda-feira (29) rua Lua Azul, residencial Rosalinda, em Rio Branco, quando um grupo de pelo menos cinco homens fez um arrastão na região e acabou efetuando vários disparos contra a vítima.

O crime ocorreu por volta das 19h e na mesma ação criminosa Gerdeildo dos Santos Anoram, 36 anos, também foi atingido por disparo de arma de fogo e foi levado a Unidade de Pronto Atendimento do segundo Distrito (UPA).

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informou que moradores disseram à polícia que cinco homens armados entraram nas casas e roubaram várias objetos e nesta ação, Costa foi morto.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas, ao chegar no local, Costa já estava morto.

Logo depois a polícia foi informada que Anoram também tinha sido atingido na mesma ação. O homem foi socorrido por populares e levado para a UPA. Ele teria levado um tiro na região do abdômen.

O Ciosp ainda informou que os moradores quando acionaram a polícia teriam informado que a ação foi uma retaliação pela morte de Nunes Pereira de Assunção, de 30 anos, assassinado no início da tarde de segunda (29).

O delegado Martin Hessel da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP), informou que ainda não tem a autoria do crime porque a investigação está em andamento e que ainda não pode afirmar sobre a retaliação, mas é uma das hipóteses.

“Uma das hipóteses é que realmente tenha sido uma retaliação à morte do bairro Santa Inês. Contudo, somente ao término das investigações é que podemos apontar a motivação”, disse.

O local foi isolado pela polícia que também fez buscas pela região, mas ninguém foi preso até a manhã desta terça-feira (30). 

Do G1 Acre