O médico infectologista Jenilson Leite está, desde segunda-feira (22), atendendo pacientes que contraíram ou que apresentam os sintomas da Covid-19 no município de Jordão, interior do Acre, e que não dispõe de especialista na área de infectologia. 

Segundo o boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde de Jordão, trinta e três pacientes testaram positivo para o vírus. Contudo, deste número, 15 já receberam alta médica, dada pelo infectologista.

Já são dois dias de atendimento na cidade. Além disso, amanhã, na quarta-feira (24), Jenilson estará na Rádio Cultural para explicar as medidas de prevenção, cuidados e orientações para as pessoas que apresentam sintomas. A ida do parlamentar tem como foco principalmente orientar a população ribeirinhas e indígenas por meio do rádio.

Antes de atender em Jordão, Leite tirou plantão no Pronto Socorro de Rio Branco. Já nos dias 19 e 20 de junho, ele atendeu no Clube do Sinteac, em Tarauacá, sua terra. No município, o médico também distribuiu máscaras para os moradores.

Quando foi notificado os primeiros casos de Covid-19 no Acre, Jenilson se colocou à disposição do governo do Estado para estar na linha de frente no combate à doença.

Ao falar sobre Jordão, Jenilson destaca que as autoridades municipais fizeram de tudo para evitar a chegada do vírus na cidade, mas chegou. “O prefeito Élson e equipe fizeram de tudo para evitar a vinda desse vírus ao município, mas infelizmente chegou e estamos aqui para colaborar “.

Leite parabenizou o esforço da gestão e todos os profissionais de saúde que estão ajudando nesse momento, “parabenizo também a comunidade que tem colaborado muito, aqui as pessoas entenderam que essa luta é de todos nós”.