Representantes do projeto “Todos pela Saúde” estiveram nesta segunda-feira, 22, no Hospital do Juruá, em Cruzeiro do Sul, para ajudar na implantação de ações que fortalecerão o combate à pandemia do novo coronavírus na segunda região mais populosa do estado. 

Em reunião com parte da direção da unidade e profissionais que atuam na linha de frente no combate à Covid-19, os consultores do projeto fizeram uma ampla apresentação do modelo que já vem sendo adotado em outros hospitais parceiros nas 27 unidades federativas do país.

Segundo o médico Michel Cadenas, consultor de saúde do projeto “Todos pela Saúde”, o momento é de somar esforços e conhecer a experiência vivenciada nas mais diferentes regiões do Brasil. Ele explicou ainda que o principal objetivo do projeto é estabelecer protocolos eficientes para que vidas sejam preservadas frente à pandemia.

“A metodologia implementada pelo projeto ‘Todos pela Saúde’ é para organizar o plano de resposta por meio dos gabinetes de crise. O propósito da nossa vinda aqui é auxiliar na implantação do gabinete de crise e ensinar ferramentas de gestão e governança de leitos para potencializar o atendimento dos pacientes”, disse.

Cadenas destacou como fundamental a criação do gabinete de gerenciamento de crises integrado. Segundo o médico, a medida possibilita que soluções sejam tomadas de maneira imediata.

“Os hospitais funcionam de uma forma muito horizontalizada e as decisões são mais lentas no dia a dia. O modelo de gabinete de crise permite agilidade e velocidade na tomada de decisão para entender o problema e resolvê-lo”, pontuou.

Para o médico e diretor técnico do Hospital do Juruá, Marcos Lima, a presença dos consultores na região é muito significativa para que novas metodologias sejam integradas no enfrentamento à pandemia.

“Considero muito importante a presença deles aqui para fazermos essa troca de experiências e eles puderam acompanhar o trabalho que vem sendo feito pela nossa unidade. São profissionais extremamente capacitados e que trazem uma bagagem muito grande de outros hospitais que eles já visitaram e que também fazem parte desse projeto”, observou.

Hospitais de referência do Acre já receberam doações

O projeto “Todos pela Saúde” é uma parceria público-privada do Banco Itaú Unibanco e Hospital Sírio-Libanês que está ajudando os estados brasileiros com a doação de equipamentos, contratação de profissionais e auxílio no fortalecimento do atendimento na rede pública hospitalar no enfrentamento ao novo coronavírus.

“Aqui no estado, já recebemos nove respiradores portáteis e cinco respiradores fixos, além de insumos e equipamentos de proteção individual que foram distribuídos para os nossos hospitais de referência em Rio Branco, Cruzeiro do Sul e Brasileia”, explicou a assessora do Centro de Operações de Emergência(COE), Marília Carvalho.

Administrado pela Fundação Itaú Unibanco, a iniciativa conta com recursos na ordem de R$ 1 bilhão para ajudar no combate à doença. No Acre, além do Hospital do Juruá, o Pronto-Socorro de Rio Branco, Instituto Traumatologia e Ortopedia (Into) e Hospital Regional do Alto Acre estão inseridos no projeto Todos pela Saúde.