Brasil 247 – A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro cumprem, na manhã desta quinta-feira (18), um mandado de busca e apreensão em uma casa que pertence a Jair Bolsonaro em Bento Ribeiro, na Zona Norte do Rio.

Bolsonaro usou o imóvel como como um dos comitês de campanha eleitoral. E tinha visitado o local durante uma agenda pública.

Atualmente, quem mora na casa é Alessandra Esteves Marins, ligada ao gabinete do senador Flávio Bolsonaro. 

A ação do Judiciário ocorre no âmbito das investigações que apuram um esquema de corrupção na Assembleia Legislativa do Rio, onde o filho de Jair Bolsonaro cumpria mandato. 

Ex-assessor do parlamentar, Fabrício Queiroz foi preso e estava escondido em um imóvel de Frederick Wasseff, advogado do senador.