Uma denúncia anônima ajudou a polícia a resgatar três meninas, de 11, 12 e 18 anos, que moravam com o pai na zona rural de Rodrigues Alves, interior do Acre. O homem é suspeito de abusar e bater nas meninas e também de ser o pai do filho da vítima de 18 anos.

A prisão ocorreu na noite de quarta-feira (10), no Ramal do Havaí, local de difícil acesso no município. No momento em que a polícia chegou no local, o homem estava nu dentro de uma rede e as meninas com medo e assustadas.

A ação foi feita pelas Polícias Civil e Militar. O suspeito foi indiciado por estupro de vulnerável e violência doméstica.

“Uma casa simples, na zona rural e de difícil acesso. Quando chegamos ele estava nu dentro de uma rede. As crianças estavam com medo e assustadas. Foi feito o exame de conjunção carnal e corporal, mas não restam dúvidas sobre os abusos, as meninas contam com detalhes”, explicou o delegado responsável pelo caso, Obetaneo dos Santos.

O delegado disse que já informou o caso ao Poder Judiciário e solicitou o exame de DNA para comprovar se o homem é mesmo o pai do filho que a adolescente de 18 anos teve. “Todas ficaram em estado de choque. Ela [vítima mais velha] afirmou que o filho é dele”, descreveu.

Mãe mora em Cruzeiro do Sul

Ainda segundo a polícia, a mãe das vítimas mora em Cruzeiro do Sul, cidade vizinha, onde trabalha para mandar alimento para as filhas.

“Ele nega os dois crimes. Elas têm familiares [em Rodrigues Alves] e a Justiça vai definir sobre a guarda das menores”, afirmou.

Santos destacou que pediu também que as vítimas sejam acompanhadas por assistentes sociais e psicólogos em Cruzeiro do Sul.

“É necessário um apoio assistencial e psicológico. Tem que ter toda essa providência por parte do Estado. Já solicitei”, concluiu. Do G1 Acre.