A Prefeitura de Rio Branco, através de ação conjunta das secretarias de Assistência Social e Direitos Humanos e Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico, está realizando a distribuição cestas básicas e kits limpeza para famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica, cadastradas nas 44 feiras da cidade.

Nesta sexta-feira, 05, aconteceu a distribuição dos kits a famílias do polo Agroflorestal Geraldo Fleming. Segundo a secretária de Assistência Social, Núbia Fernanda Greve de Musis, a iniciativa é essencial para garantir a segurança alimentar e o bom funcionamento do sistema imunológico das pessoas durante este período de isolamento social imposto pelas medidas de enfrentamento ao novo coronavírus.

“A Assistência Social, hoje, está atendendo juntamente com a Secretária de Agricultura esses produtores da economia informal. Outras ações capitaneadas pela prefeita Socorro Neri estão ocorrendo em várias frentes, distribuição de máscaras de pano para pessoas em vulnerabilidade social é um exemplo”, observou Núbia.

As famílias contempladas passaram por uma triagem, realizada pelo Centro de Referência em Assistência Social (Cras) do São Francisco. A distribuição das cestas e kits está sendo feita de casa em casa para evitar aglomerações e agradou os beneficiários.

“Eu não estou podendo vender nada. Que Deus abençoe tudo que vier de ajuda. Para nós aqui do polo, é muito importante o apoio da Prefeitura nesse momento tão difícil. Obrigado prefeita Socorro Neri pela sensibilidade da senhora com a gente aqui da zona rural”, agradeceu Francisca da Glória de Souza, a dona Mimosa, feirante do Tancredo Neves.

“Somos eu minha esposa e seis filhos, todos agradecidos por essa ajuda num momento em que nós estamos sem renda, pois, não estamos conseguindo frequentar as feiras. Agradeço pelo apoio nesse hora de dificuldade”, disse Jisimar Camilo dos Santos, feirante do Adalberto Sena.

Paulo Sérgio Braña, secretário da Agricultura, observou que as atividades das feiras estão suspensas há mais de 70 dias e isso, de certa forma, tem prejudicado a venda e a renda desses produtores. “Com essa ação da Prefeitura, determinada pela prefeita Socorro Neri, a gente vai amenizar esse problema”, disse.