Por Contil Net – O agricultor Dejanir Oliveira da Silva, de 35 anos, foi morto com seis tiros, na noite desta sexta-feira (29), na Avenida Rui Coelho, na Vila do V, no município de Porto Acre, no interior do estado.

Segundo informações de familiares, Dejanir já estava sendo ameaçado por um ex-funcionário que trabalhou na propriedade rural da vítima. 

Acerca de como o crime aconteceu, a polícia informou que a vítima havia parado em uma farmácia na Vila do V para realizar compras, quando o autor do crime, que havia acabado de sair da propriedade do homem, também chegou no local e esperou Dejanir sair do estabelecimento.

Ao sair e subir na motocicleta, Dejanir foi alvejado com 3 disparos de arma de fogo pelas costas. Ele ainda tentou correr por aproximadamente 100 metros, mas caiu na calçada.

O criminoso ainda seguiu a vítima e efetuou mais 3 disparos na cabeça, e levou a carteira e um revólver calibre 38 que Dejanir usava para se proteger de alguma situação igual a que acabou ceifando a sua vida. O autor do crime fugiu correndo em direção ao Ramal da Linha 2, onde já havia uma motocicleta aguardando pelo bandido.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda foi acionado, mas quando os socorristas chegaram no local, só puderam atestar a morte do agricultor.

Agentes do Instituto Médico Legal (IML) também estiveram no local, recolheram o corpo e levaram para a sede em Rio Branco, onde serão realizados os devidos exames cadavéricos.

A Polícia Militar foi acionada e tentou procurar pelo autor do crime na região, mas ele não foi preso até o momento. A Polícia Civil deverá investigar o caso.