A prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Econômico (SAFRA), vai investir cerca de R$ 1 milhão na produção de farinha de mandioca e derivados para famílias de pequenos produtores rurais, das comunidades Baixa Verde, Barro Alto, Benfica, Boa Água e Moreno Maia. 

Hoje, o secretário da SAFRA, Paulo Sérgio Braña, reuniu na comunidade Bairro Alto com os produtores rurais Dário Gomes de Souza e José Maria, tendo como propósito acelerar as discussões sobre a implantação da casa de farinha industrial. A Prefeitura estará adquirindo também os equipamentos necessários para produção em larga escala e fazendo toda a parte capacitação dos colonos, dando assistência técnica no preparo da terra para a produção da mandioca e, articulando o escoamento da produção.

A casa de farinha do Barro Alto terá capacidade de produzir cerca de 26 toneladas de farinha, mês, ampliando a renda familiar de 20 famílias diretamente e outras 70 indiretas. Os investimentos na área são oriundos de Emenda Parlamentar do deputado federal Alan Rick, com a contrapartida do tesouro municipal.

“A farinha é um dos principais alimentos presentes na cultura brasileira, principalmente em Rio Branco. A prefeita Socorro Neri, é defensora intransigente da modernização e mecanização dessa linha de produção, não tem medido esforços para ofertar melhores condições de trabalho para gerar renda aos nossos produtores. Essas pequenas fábricas irão mobilizar comunidades inteiras e tirá-las do processo feito manualmente, iniciando com a colheita, raspagem, prensagem, peneira e forno”, destacou Braña.