De acordo com o secretário da Zeladoria da Cidade, Kellyton Carvalho, a iniciativa leva em consideração as recomendações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e protocolos do Estado e Município para evitar a propagação do novo coronavírus.

Kellyton enfatiza que a orientação da prefeita Socorro Neri é no sentido de não poupar esforços para conter a propagação do vírus em Rio Branco. “São medidas estratégicas que visam conter o índice de contaminação. Era início da madrugada quando começamos a desinfecção no terminal urbano, em ato continuo realizamos a limpeza profunda nos pontos de ônibus no entorno do Estádio José de Melo, mas é preciso que a população também respeite o isolamento social para que logo possamos varrer essa doença”, observa.

O trabalho ocorre com frequência nos mercados e em unidades bancárias e na Rodoviária Internacional, além de ruas e avenidas de grande fluxo. Os equipamentos públicos recebem jatos de alta pressão com produtos licenciados para desinfecção do lado de fora, paredes, calçadas, estacionamentos, bancos, grades, escadas, salas, portas e pisos.

“Esse trabalho é articulado pela prefeita Socorro Neri e é executado num esforço conjunto da RBTrans e as secretarias de Zeladoria e Agricultura de Rio Branco”, destacou Kellyton. Ao todo, 17 homens estão envolvidos na ação, divididos em frentes de trabalho, executando de forma simultânea serviços que acontecem por meio de hidrojatos.