Brasil 247 – Um dos alvos da ação da Polícia Federal (PF) no inquérito da fake news da manhã desta quarta-feira (27) é o ex-deputado federal Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB e novo aliado de Jair Bolsonaro – ele tornou-se nas últimas semanas um dos braços direitos do presidente.

Ex-aliado de Fernando Collor de Melo e um dos condenados no escândalo do mensalão, Jefferson preside um dos partidos do centrão e passou a defender efusivamente Bolsonaro nos últimos tempos.

Bolsonaro chegou a assistir e recomendar uma live em que Jefferson acusava o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de arquitetar um golpe parlamentar. Bolsonaro tem se articulado com siglas do centrão, distribuindo cargos a essas legendas em troca de apoio no Congresso.