O Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), por meio da Frente de Currículo e Novo Ensino Médio, em parceria com o Instituto Sonho Grande, Instituto Natura e Telefônica Vivo, promoveu o 4º Encontro Formativo de Projeto de Vida do Ensino Médio, via webinar, voltado para professores e gestores do Brasil, na tarde desta quinta-feira, 21.

O webinar foi elaborado como objetivo de contribuir para que as secretarias de educação formulem o currículo de projeto de vida e organizem sua implementação, por isso, promove um bate-papo com os educadores do país que tenham interesse em contribuir com o novo currículo do Ensino Médio.

O encontro proporcionou uma apresentação com o tema Projeto de Vida no Ensino Médio, caminhos para efetivação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e a experiência da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, sobre Projeto de Vida.

Foi discutido o que é e o que não é Projeto de Vida, os pilares que fundamentam o Projeto de Vida, as referências bibliográficas, as bases legais, as referências para se trabalhar o projeto, e ainda foram compartilhadas experiências de outros estados, tudo de forma bem detalhada.

Muitos professores, equipes gestoras e articuladores dos núcleos de Educação dos municípios do Acre participaram do encontro e contribuíram com experiências vividas em suas escolas.

“Tivemos uma participação muito boa dos professores de Projeto de Vida aqui do Acre, no webinar, uma formação muito boa e um material excelente, quem participou gostou muito, detalhou muito bem o que é Projeto de Vida”, destacou a professora Danielly Matos, chefe da Divisão de Ensino Médio.

A partir de 2022, todas as escolas de Ensino Médio passarão a ofertar o Projeto de Vida que está inserido no itinerário formativo do currículo, e abrange os três anos do ensino médio, obrigatoriamente. Antes era oferecido somente nas escolas de Ensino Médio integral.

“Foi uma palestra muito esclarecedora, uma formação bem fundamentada que nos dará mais segurança e propriedade para finalizarmos a parte que ainda não concluímos que são os itinerários. As rotas já estão prontas, mas ouvindo e participando dessa formação, temos ciência de que podemos melhorar ainda mais o que já construímos”, concluiu a professora Carmem Braga, chefe da Divisão de Currículo.

A formação além de ter sido muito importante para ajudar a melhorar a escrita do novo currículo, também servirá como insumo para as formações de professores da rede estadual de ensino.

Construção do novo currículo do Ensino Médio do Acre

A Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE), vem realizando consultas públicas e webconferências com os professores da rede estadual, professores da Universidade Federal do Acre (Ufac) e professores de escolas particulares, com o intuito de colher contribuições que enriqueçam ainda mais o currículo.

A parte geral do currículo do Acre já está pronta e se encontra numa segunda consulta pública, após ser separado por série, que foi uma orientação do CEEA/AC.

Com as contribuições e observações, na nova formatação por série, foi possível fazer reestruturações e reelaboração da matriz curricular. A consulta pública da parte geral se encerra nesta sexta-feira, 22, para ouvir a comunidade escolar.

Após as consultas públicas, serão feitas as analises e devolutivas das contribuições individualmente. A equipe de currículo vai fazer uma leitura e a devolutiva via formulário de inscrição de participação ou por email e posteriormente, será feito um parecer e disponibilizado na rede.

A SEE está construindo a escrita do currículo, contextualizando o Projeto de Vida, eletivas e outros itinerários, depois será encaminhado para o Conselho Estadual de Educação (CEE/AC), para analise e aprovação.