O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) usou seu tempo de fala para na sessão on-line desta terça-feira (12) para cobrar celeridade do Palácio Rio Branco acerca dos projetos que beneficiarão a vida de milhares de trabalhadores do estado.

Para o parlamentar a Casa Civil usa da burocracia da enrolação e o tempo passando, sendo que uma delas é o projeto da insalubridade para os trabalhadores da saúde que são os mais necessitados neste momento.

“Faz 15 dias que aprovamos o projeto que foi encaminhado pelo próprio executivo, mas que até agora não publicou a sanção no diário oficial. A folha de pagamento de mais um mês se fecha e nada publicação, “questiona.

Edvaldo diz que no dia do ENFERMEIRO, aquele que é o símbolo da luta contra o COVID-19 não há muito o que comemorar.

Quando a pauta é de financiamiento, de recursos suplementar essa casa aprova as vezes debatendo rápido, se mostrando lúcida e comprometida para ajudar naquilo que é possível, mas quando as pautas saem dessa casa, elas vão a passos de jabuti,” finalizou Edvaldo.