As escolas da rede municipal de Brasiléia, estão aproveitando o período de suspensão das aulas presenciais, por conta da prevenção ao Coronavírus (Covid-19) para realizarem atividades pedagógicas com os alunos da educação infantil e ensino fundamental, dos anos iniciais. 

A Secretária Municipal de Educação Luíza Amaral falou sobre a importância da iniciativa.

“Atendendo a orientação da nossa Prefeita Fernanda Hassem, realizamos um planejamento com as escolas, que teve como parâmetro principal, considerar a realidade de cada aluno. A iniciativa da Prefeitura de Brasiléia visa dar suporte ao processo de aprendizagem dos estudantes, direcionando atividades das áreas de  conhecimento de forma leve e atrativa”, destacou. 

Para o coordenador de ensino, Jesus Bispo, essas atividades em EAD atendem as competências gerais da BNCC, no que diz respeito aos campos de desenvolvimento: sócioemocional, comunicativo e cognitivo.

“Com a pandemia do Covid-19 e  suspensão das aulas presenciais, nós  fomos desafiados a colocar imediatamente em prática uma nova metodologia de trabalho com atividades em EAD. A cultura digital já é prevista na BNCC, e colocamos em prática integração dos alunos, onde estamos incorporando na prática educacional a tecnologia para que os nossos alunos possam ser o protagonista de seu desenvolvimento a partir de sua realidade. Os nossos professores abraçaram esse desafio de fazer o novo, superando as dificuldades de conectividade também dos pais que não  tiveram resistência em manter o vínculo de seus filhos com as escolas”, afirmou. 

O professor do 5 ° ano da Escola Rui Lino, Carlos de Oliveira Neto, destacaou que é um novo desafio para todos os professores. E que não teve nenhum tipo de resistência dos pais. 

“Acredito que está sendo um novo desafio para todos os professores, porque no sistema educacional do município não tínhamos utilizado essa estratégia de trabalhar via celular. Aceitamos esse desafio no intuito de manter a relação do aluno com a escola, sabendo que não é a mesma coisa de uma aula presencial, a nossa intenção é ajudar os alunos no momento em que estão passando por isolamento social. Conversamos com os  pais e eles aceitaram o desafio, não encontramos nenhum tipo de resistência. Eu parabenizo todos os pais que estão empolgados e ajudando seus filhos com as atividades”, destacou.

De acordo com os professores, a ação tem sido aprovada pelos pais e alunos da rede municipal.