Uma mulher foi achada morta dentro de um apartamento no início da noite desta quarta-feira (15) na cidade de Tarauacá. Vizinhos ouviram uma criança chorando dentro do quarto e quando abriram a porta acharam a vítima morta com um ferimento no pescoço. A vítima ainda não foi identidade pela polícia.

O principal suspeito do crime é o companheiro da vítima, que fugiu do local. Esse é o segundo caso de violência contra a mulher registrada no Acre em dois dias.

Na segunda (13), servidora pública Sara Araújo de Lima, de 38 anos, foi morta pelo ex companheiro quando chegava para trabalhar na Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre).

A Polícia Militar de Tarauacá disse que as informações ainda são desencontradas e a ocorrência está em andamento. Porém, o que sei foi levantando até agora é que a vítima estava no quarto junto com o suspeito.

A polícia acredita também que a mulher tenha sido morta na frente de uma criança, que seria filho da vítima. A PM-AC não soube dizer se a criança também é filho do suspeito e nem a idade dela.

A suspeita é de que o suspeito tenha dado uma facada no pescoço da vítima. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda chegou a ser acionado, mas a mulher já estava morta. A PM-AC tenta prender o suspeito. Por Aline Nascimento, G1 Acre