A Prefeitura de Rio Branco mantém o subsídio garantindo que aproximadamente 25 mil estudantes tenham acesso ao transporte público coletivo da capital por apenas 1 real. 

A subvenção custeada pelo município sobe de R$ 0,90 para R$ 1,00 após o fim do desconto de 5% oferecido aos usuários do transporte público coletivo que fazem uso da bilhetagem eletrônica em decreto publicado nesta sexta-feira, 20.

Com a decisão do Conselho, o valor de R$ 4, já cobrado dos usuários que utilizam dinheiro na hora de pagar a passagem, agora será estendido também para quem faz recargas no cartão de transporte e que antes tinham o desconto.

É importante lembrar que o valor de R$ 4 no preço da tarifa foi fixado em julho de 2018 pelo Conselho Municipal de Transporte. Durante este período, apesar do aumento no preço dos insumos, a retirada do desconto foi o único ajuste estabelecido.

A retirada do desconto também se dá em um momento em que as empresas concessionárias do serviço vem enfrentado queda vertiginosa no número de passageiros e sérias dificuldades em manter o equilíbrio fiscal.

Manter a operacionalidade e salvaguardar a manutenção do sistema e postos de trabalho é imprescindível para o funcionamento e a mobilidade de milhares pessoas que utilizam o transporte público coletivo diariamente.