A decisão da arbitragem em adiar a decisão do primeiro turno do Campeonato Acreano, entre Atlético-AC e Galvez, neste domingo (15), por falta do fornecimento de energia na Arena Acreana, em Rio Branco (AC), não agradou totalmente o técnico Josy Braz. O Galo Carijó comandava grande parte da ações do duelo, até os 32 minutos do primeiro tempo, quando o confronto foi paralisado.

Apesar disso, o treinador destaca que a causa é motivo de ‘força maior’ e que o elenco e comissão técnica só pode atacar. Ele ressalta que o time deve descansar para quando retornar a campo, ter a mesma intensidade apresentada durante o período em que a bola esteve rolando.

– A gente fica triste, porque nossa equipe estava comandando as ações da partida, mas é por motivo de forças maiores que a gente, então a gente tem só que obedecer. Agora é descansar pra gente poder fazer mais um grande jogo, mas um início de jogo como a gente fez, com intensidade pra que a gente possa atingir o objetivo – afirma.

Representantes da Federação de Futebol do Acre (FFAC) e das equipes finalistas devem se reunir nesta segunda-feira (16), na sede da entidade, anexa ao estádio Florestão, em Rio Branco, para definir nova data e horário para o jogo. Por Globo Esporte