Antônio João Paulo Santos da Costa, de 26 anos, foi morto com 4 tiros na madrugada deste domingo (26) no Km 3 do Ramal da Judiá, no Bairro Belo Jardim I, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com informações de populares repassado a reportagem, por volta de 1h da madrugada aconteceu uma intensa troca de tiro no ramal, foram tantos tiros que não foi possível contabilizar o total. Segundo o relato de uma moradora que não quis se identificar, durante o tiroteio todos de sua família dormiram no chão da residência.

Pela manhã, o pastor de uma igreja evangélica, que mora atrás do prédio, saiu de casa para comprar pão e se deparou com o corpo de Antônio, já sem vida jogado na porta da igreja, perto de uma churrasqueira. O homem morreu com 4 tiros, sendo que dois dos projeteis atingiu no peito, um na cabeça e outro nas costas.

Ao ver o homem morto, o pastor ligou para o Serviço Avançado de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que ao chegar no local apenas constatou a morte de Antônio. Policiais Militares também foram acionados, isolaram a área, colheram informações dos autores do crime e em seguida fizeram rondas na região, mas ninguém foi preso.

No local do homicídio foi feito a perícia criminalística e os Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram a sede, onde será realizados os exames cadavérico. Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já iniciaram as investigações.

A motivação do crime é mais um capítulo da guerra entre facções criminosas que se instalou no Estado do Acre.