Afonso Alves, técnico do Andirá — Foto: Duaine Rodrigues

O empate por 1 a 1 com o Galvez, na última sexta-feira (24), no campo B da Federação de Futebol do Acre (FFAC), em Rio Branco (AC), foi visto como um bom resultado pelo técnico do Andirá, Afonso Alves. Isso porque, foi o primeiro teste do Morcego no período da pré-temporada.

Segundo o treinador, o time se comportou bem dentro de campo, sobretudo, taticamente. Com um nível de condicionamento físico bem próximo do ideal, ele explica que a única deficiência da equipe é no quesito técnico.

– Na parte tática foi boa, mas tem uma deficiência um pouco técnica. É o primeiro (jogo-treino) em campo, aí tivemos dificuldade mesmo. Na parte técnica (temos que melhorar), temos que ter mais confiança – disse.

O time se reapresentou ao treinador na manhã deste sábado (25), para mais um treinamento. Durante a semana mais um jogo-treino deve ser realizado. O clube ainda procura adversário.

O Morcego estreia no Campeonato Acreano no dia 6 de fevereiro, contra o Rio Branco-AC, às 17h30 (do Acre), na Arena Acreana, na capital. O clube está no A, considerado “grupo da morte”, ao lado do próprio Estrelão, Atlético-AC, Plácido de Castro e São Francisco. Por Globo Esporte Acre