A Prefeitura de Brasiléia através da Secretaria de Administração e a empresa Saleilões realizou no início desse mês o leilão de bens móveis inservíveis pertencentes ao patrimônio da Prefeitura de Brasiléia.

Foram vendidos 28 lotes composto por veículos, máquinas e equipamentos e diversos bens e móveis em geral que não tinham mais utilidade de uso pelo setor público, devido às suas condições.

Os bens foram vendidos no estado de conservação em que se encontravam, sendo toda a responsabilidade de restauração ou destino do comprador, a comissão ainda está realizando a entrega dos equipamentos vendidos e veículos.

Alguns compradores ainda estão realizando pagamento dos bens adquiridos, mas até o momento já foram arrecadados R$ 226.100,00 (duzentos e vinte e seis mil e cem reais).

Marinildo Tavares presidente da comissão organizadora do leilão disse que o mesmo foi realizado para que os bens que não estavam em uso pudessem ser vendidos e a prefeitura arrecadar para a compra de outros bens.

“Muitos bens estavam sucateados sem condições de uso ou sem condições de recuperação por conta da prefeitura, por isso a necessidade de vender através de processo legal para que pudessem arrecadar e comprar outros equipamentos necessários para as secretarias que tinham os bens, o leilão aconteceu, temos já um resultado parcial de arrecadação, alcançou as expectativas da gestão e ainda estamos entregando alguns bens e outros ainda estão confirmando a compra”, finalizou.