Por falta de local adequado e empresas preparadas para a coleta e o depósito do lixo hospitalar nos municípios do Vale do Juruá, as cidades da região enfrentam dificuldades para dá o destino final para esse tipo de resíduo. Mas, a Prefeitura de Mâncio Lima conseguiu superar esse problema e a partir de agora todo material das unidades de saúde será recolhido mensalmente.

O serviço será prestado pela empresa Paz Ambiental, de Rondônia, que passou a enviar carros apropriados para a coleta dos resíduos a partir deste mês. Nesta quarta-feira (27), um caminhão da empresa com uma equipe habilitada para o manuseio dos resíduos fez a primeira coleta.

Todo o lixo produzido nas unidades do município será encaminhado para incineração fora do estado.

“Uma das preocupações da gestão do prefeito Isaac Lima é com a limpeza na nossa cidade e tínhamos uma dificuldade para coletar o lixo hospitalar, devido problemas que ocorreram com uma empresa que fazia esse serviço e parou de operar. Mas, agora teremos coleta regular por um empresa que tem toda estrutura para dá o destino adequado para esse tipo de resíduo”, disse a secretária de saúde, Joice Gonçalves.