No início da tarde desta sexta-feira, 30, a prefeita Socorro Neri recebeu o diretor presidente da Federação das Indústrias do Acre (Fieac), José Adriano, acompanhado de alguns integrantes da diretoria da instituição e presidentes de sindicatos.

Entre os pedidos esteve a renegociação de dívidas junto ao fisco municipal, como parte do Programa de Auxílio a Regularização Fiscal (Parf), que foi aprovado pela Câmara e deve entrar em vigor na próxima semana.

Os empresários também falaram sobre a Lei da Liberdade Econômica e alguns problemas de infraestrutura no Distrito e Parque Industrial. Além disso, o grupo solicitou modificação no modelo de credenciamento nas compras municipais e isenção do IPTU do Distrito Industrial.

“Não queremos proteger empresário, queremos proteger empregos. Viemos em busca de um entendimento em comum com a prefeita e saímos com a certeza de que ela terá um novo olhar sobre o nosso setor. O bom diálogo sempre abre portas”, disse José Adriano.

Socorro Neri recebeu as reivindicações do grupo e se comprometeu em trabalhar para solucionar as mais urgentes. “Nós entendemos o quanto a iniciativa privada é importante para o movimento da nossa economia. É um setor que tem gerado emprego e renda e nós queremos caminhar alinhados. Estarei reunindo a minha equipe para que a gente consiga encontrar caminhos para na média do possível, e agindo conforme a lei, possamos atender essas reivindicações”, esclareceu a prefeita.

O diretor da Fieac e presidente do Sindicato das Indústrias de Olarias do Estado do Acre (Sindoac), Márcio Agiolf, encerrou a reunião agradecendo a prefeita. “Gostaríamos de agradecer a senhora pela sinceridade, por ter recebido nossas questões e estar tratando com seriedade”, finalizou.