Gladson Cameli anuncia chapa Minoru Kinpara com Alysson Bestene de vice

“Esta aliança é para deixar claro que eu e o vice-governador Rocha estamos juntos e afinados para a disputa eleitoral de 2020”

Em entrevista ontem ao Blog do Crica, o governador Gladson Cameli fez duas revelações que vão mexer com a composição de forças no seu campo político, na eleição para prefeito da capital, no próximo ano: a primeira é que o Progressista, seu partido, vai fazer aliança com o PSDB. A segunda, é que a chapa deverá ser formada por Minoru Kinpara (PSDB) e Alysson Bestene (Progressista). “Mais na frente vamos discutir quem será a cabeça da chapa”, destacou Cameli. Mas, como o secretário Alysson Bestene não tem nenhuma densidade eleitoral em Rio Branco, a dedução lógica a que se pode chegar é que ele será o vice de Minoru Kinpara. “Esta aliança é para deixar claro que eu e o vice-governador Rocha estamos juntos e afinados para a disputa eleitoral de 2020”, enfatizou o governador. Mas, Cameli descarta a notícia de que está de malas prontas para filiar-se ao PSDB: “Isso não existe, é boato, vou continuar filiado ao partido Progressistas,” garantiu o governador Gladson Cameli. A decisão isola o MDB. Que se recusa entrar nesta aliança.

Gladson disse ainda que, viu com ironia de que para reunir com o MDB tem que enviar um comunicado ao presidente e deputado federal Flaviano Melo, e ao líder do MDB na ALEAC, deputado Roberto Duarte “É bem capaz de me reportar a um líder de bancada, se tiver que falar com o MDB, eu falo com o Flaviano Melo”, comentou o governador com ironia.

O governador destacou ainda na conversa de ontem que se o deputado Roberto Duarte (MDB) pensar que o atacando na ALEAC vai atrapalhar a sua administração, está enganado, e foi enfático: “Pode criticar quanto quiser, não vai me atingir, que seja feliz”.