Preocupadas com a evasão de jovens ou mesmo com o objetivo de “modernizar” os cultos, algumas igrejas estão introduzindo alguns ritmos como o forró gospel, funk gospel ou mesmo o arrocha gospel.

O pastor da igreja diz que “não ver nenhum problema em dançar qualquer estilo de música, Não é pecado dançar na igreja, desde que seja para Deus, não importa o ritmo ou tipo da música que esta sendo tocada”. Ele acrescentou que “todos têm que adorar a Deus independente de música ou ritmo”, finalizou.

Por questão de ética o site não identificara o nome da igreja e nem sua localidade, mas queremos saber a sua opinião, você acha pecado dançar esse estilo de música em uma igreja evangélica?

Veja o Vídeo: