Paolla Oliveira, Juliana Paes e mais famosos curtem Baile da Favorita no Rio

O evento reuniu também famosos como Fernanda Paes Leme, Regiane Alves, Cris Vianna, Bruno Cabrerizo, Vitória Strada, Agatha Moreira e Felipe Simas, Klebber Toledo e Camila Queiroz

Paolla Oliveira aproveitou uma folga nas gravações de “A Dona do Pedaço”, novela na qual interpreta a blogueira Vivi Guedes, para curtir o Baile da Favorita na Marina da Glória, no centro do Rio de Janeiro, na noite deste sábado (11). Além da atriz, um time de famosos prestigiaram o evento da promoter Carol Sampaio: Juliana Paes, Fernanda Paes Leme, Regiane Alves, Cris Vianna, Bruno Cabrerizo, Vitória Strada, Agatha Moreira e Felipe Simas, Bruna Griphao, Kaysar Dadour, Nego do Borel, Hugo Bonemer, Klebber Toledo e Camila Queiroz, Julianne Trevisol, Marcella Rica, Anna Rita Cerqueira, Ricardo Pereira, Felipe Roque, Maria Joana e Flávio Canto também se jogaram na pista.

Atriz se pronuncia sobre vídeo pornográfico 

No último mês, Paolla quebrou o silêncio após ter um vídeo de sexo falsamente atribuído a ela. “Hoje, me deparei com uma mentira circulando sobre mim. Supostamente eu estaria em um vídeo onde claramente não sou eu. Em dois minutos de pesquisa, qualquer pessoa que teve acesso a isso descobriria que não existe isso de supostamente. Não sou eu, é outra mulher, com nome e profissão já divulgados”, esclareceu na web. Rainha de bateria da Grande Rio em 2020, Paolla citou as ocasiões em que pessoas compararam ela com outras famosas: “Todos os dias eu sou marcada em imagens de brincadeiras com pessoas falando que supostamente eu sou a Katherine Heigl ou a Rachel McAdams (como nessas imagens que postei). Dia desses até me compararam à modelo Coco Rocha em uma sessão de fotos. Mas são brincadeiras, não estão estampando páginas e sites da imprensa”.

Paolla procura responsáveis e quer puni-los criminalmente 

Solteira desde o fim do namoro com o diretor Rogério Gomes, o Papinha, Paolla explicou também que, mesmo não sendo ela na gravação, vai procurar o culpado pela divulgação do material. “Esse boato que criaram a meu respeito acontece num momento em que a sociedade está mais atenta em combater todo e qualquer tipo de violência contra as mulheres. Seja contra mim ou contra qualquer outra. Então não vou me calar! A cada dia, nós somos vítimas de ataques físicos e virtuais que não podem mais ser tolerados em hipótese alguma. Acionei o advogado Ricardo Brajterman e vou atrás dos culpados por esse crime”, afirmou a artista, que registrou um boletim de ocorrência contra a divulgação na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática (DRCI), na Cidade da Polícia, Zona Norte do Rio.

Por purepeople.com