Após uma reunião, o professor Dino deixou seu nome a disposição para ser o pré-candidato em 2020 pelo PSL de Bolsonaro.

Uma reunião foi realizada nesta quarta-feira, no município de Brasileia. Na reunião foi escolhido os membros da diretoria desta agremiação política e quem assumiu a presidência foi o agricultor Nego Caetano, já a vice-presidência foi ocupada por Inês; todos estiveram reunidos na residência do novo Presidente do PSL, Nego Caetano.

Informações repassadas à redação do site 3 de Julho Notícias, além da escolha da mesa diretora do PSL, foi discutido também sobre quem poderia colocar seu nome a disposição do partido para possivelmente disputar as eleições em 2020, na oportunidade, o professor Dino Gadelha (MDB) se dispôs a concorrer como pré-candidato à prefeito por Brasileia.

Segundo a fonte que passou as informações a  esta redação, o Professor Dino estaria saindo do Movimento Democrático Brasileiro para ser o futuro candidato pelo PSL. Dino já foi vereador pelo MDB em Brasileia.

O Presidente regional do PSL, Pedro Valério, se pronunciou a respeito das informações que giram no município de Brasileia e enviou uma nota do partido à redação do site 3 de Julho Notícias, veja abaixo:

Veja o que disse o Presidente Regional do PSL, Pedro Valério

Em face da matéria “Dino Gadelha pode ser Candidato a Prefeito de Brasileia pelo PSL”, veiculada no Site 3 de Julho Notícias, esclareço que na reunião realizada ontem no município de Epitaciolândia com a presença de possíveis dirigentes futuros do nosso Partido naquele município, nada foi tratado sobre a candidatura desse cidadão à Prefeito de Brasileia pelo PSL, essencialmente sob o aval de Sebastião Bocalom que não exerce cargo de Direção em nenhuma instância do nosso Partido.

A discussão sobre a candidatura à Prefeitura de Brasileia será tratada futuramente pelo nosso partido nas instâncias apropriadas sob a orientação e supervisão da Comissão Executiva Estadual presidida por mim e o nome a ser escolhido para a disputa obrigatoriamente terá perfil compatível com nossos valores e princípios éticos preconizados em nosso estatuto, pré-requisitos indispensáveis aos postulantes.Grato antecipadamente

Pedro Valério
Presidente Regional do PSL no Acre