Flagrante foi feito quando o suspeito foi buscar a remessa de dinheiro falso nos Correios. Foram apreendidas notas falsas de R$ 100, R$ 50 e R$ 10.

Após denúncia, a Polícia Civil prendeu David Luan Santos Andrade, de 25 anos, com R$ 1,3 mil em notas falsas. A prisão foi na tarde desta segunda-feira (22), na unidade dos Correios da Avenida Ceará, em Rio Branco, quando o suspeito foi buscar o dinheiro que foi encaminhado de fora do estado. Foram apreendidas notas de R$ 100, R$ 50 e R$ 10.

O delegado Pedro Resende, da Delegacia de Repressão a Narcóticos e Narcotráfico (Denarc), disse que a suspeita é que o dinheiro seria distribuído durante a Expoacre 2019, que acontece entre os dias 27 de julho a 4 de agosto.

“A pessoa informou que possivelmente estariam comprando cédulas de dinheiro falso para distribuir no mercado aqui da capital. Começamos a investigação e, quando ele foi buscar a remessa nos Correios, conseguimos fazer a abordagem dele”, disse o delegado.

O delegado informou ainda que as falsas notas poderiam enganar facilmente. O suspeito, e dinheiro apreendido, foi encaminhado para a Polícia Federal, onde foi feito o flagrante. O delegado não soube informar qual a origem do dinheiro.

“A informação que nos chegou é essa que esse seria o primeiro carregamento. Mais pessoas podem estar envolvidas e a Polícia Civil vai ficar em alerta”, pontuou.

O delegado disse ainda que é importante a população ficar alerta e denunciar casos suspeitos.

“Principalmente os comerciantes devem ficar atentos. A gente sabe que a Expoacre é um grande evento, principalmente por ter uma grande movimentação comercial. Então, vamos ficar atentos quando for receber dinheiro. E qualquer suspeita acione a polícia, que vai averiguar”, conclui. Por Alcinete Gadelha, G1 Acre