Artesãos do Acre faturam mais de R$ 400 mil na Fenearte, em Olinda

Profissionais receberam encomendas do Museu de Artes de São Paulo e da Ucrânia

Com o apoio do governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Empreendedorismo e Turismo, juntamente com o Sebrae, dez artesãos de Rio Branco participaram da 20ª edição da Fenearte, em Olinda, que aconteceu no período de 3 a 14 de julho.

A equipe do Acre foi destaque da feira, comercializando 3.904 peças com o faturamento efetivo de R$ 326.224,00 e R$ 75.684,00 em encomendas, totalizando R$ 401.908,00.

O artesanato acreano foi destaque na Fenearte, conquistando vários lojistas nacionais e internacionais. Com a qualidade dos produtos apresentados, os profissionais receberam encomendas do Museu de Artes de São Paulo (Masp) e da Ucrânia.

A coordenadora estadual do artesanato acreano, Suelany Paiva, está satisfeita com o resultado da feira. “O grupo está se fortalecendo ainda mais, trabalharemos para que o Acre continue sendo destaque com seus produtos que conquistam o mercado”, enaltece Suelany.

Para a secretária Eliane Sinhasique, o artesanato acreano tem um alto valor agregado, pois, usa produto madeireiro e não madeireiro da floresta acreana, além da criatividade dos artesãos. “Isso faz com que as peças sejam mais valorizadas no mercado nacional e internacional. Precisamos que mais pessoas desenvolvam suas habilidades artesanais, já está comprovado que um bom artesanato gera renda e é um trabalho rentável financeiramente”, destacou.