Acre vai investir R$ 3 milhões para ampliar rede de comunicação na Segurança Pública

Sistema integra a comunicação entre todos órgãos de segurança do estado e Polícia Rodoviária Federal. Criação do comitê gestor foi publicada na edição de quarta-feira (10) do DOE.

A rede de radiocomunicação digital, que permite a integração da comunicação entre os órgãos de segurança pública no Acre, deve ser ampliada no estado.

Segundo o secretário de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar, a expectativa é que seja feito um investimento de mais R$ 3 milhões para garantir a expansão.

A Sejusp e a Polícia Rodoviária Federal no Acre (PRF-AC) assinaram um acordo para o uso compartilhado da infraestrutura para instalação dos equipamentos em outubro de 2016. O objetivo era melhorar e acelerar o trabalho de fiscalização das polícias em todas as regiões do estado.

Conforme o secretário, desde que foi assinado o acordo, o sistema foi implantado em parte do estado e precisa ser ampliado. A criação do comitê gestor do sistema foi publicado na edição de quarta-feira (10) do Diário Oficial do Estado (DOE).

“Já temos essa infraestrutura lançada no eixo das rodovias federais, o que atinge praticamente todos os nossos municípios e agora estamos estendendo para atingir os demais municípios. Além disso, estamos definindo as regras para a utilização das redes de rádio”, disse secretário.

Comitê gestor

Conforme a portaria publicada no DOE, o comitê gestor deve ser composto por dois membros da Sejusp, dois da PRF-AC, um da Polícia Militar, um do Corpo de Bombeiros e um da Polícia Civil.

O grupo deve se reunir a cada dois meses para normatizar os assuntos inerentes aos serviços prestados pelo sistema de radiocomunicação no Acre, assim como seus equipamentos e infraestrutura.

Além disso, o comitê fica responsável por administrar o compartilhamento da estrutura do sistema de radiocomunicação e zelar pelos equipamentos e torres existentes. Do G1 Acre