“Até quando o contribuinte pagará por um serviço de tapa-buraco que se desfaz em um piscar de olhos?”, desabafa promotora

Promotora questiona qualidade da operação tapa-buracos. A postagem foi feita na manhã deste sábado (1) nas redes sociais.

Em uma postagem onde supostamente faz referência à Prefeitura de Rio Branco, a promotora de Defesa do Consumidor, Alessandra Marques, questiona a qualidade da operação de recuperação de ruas em Rio Branco.

“A questão não é só cair em buracos gigantescos com seu carro, o que realmente é irritante. A verdadeira questão é: até quando o contribuinte concordará em pagar por um serviço de tapa-buraco que, historicamente, se desfaz em um piscar de olhos?”, questionou. Por Gina Menezes / folhadoacre