Deputado Gonzaga sobe na tribuna é só não chama Alysson Bestene de Santo: “Não é falta de dinheiro, é falta de gestão”

Em sua fala, o parlamentar tucano acusou o gestor da saúde de ser incompetente devido a possibilidade do Lar dos Vicentinos de Cruzeiro do Sul fechar as portas por falta de recursos.

O deputado Luiz Gonzaga (PSDB), da base de apoio do governo Gladson Cameli, subiu na Tribuna da Aleac na manhã desta quarta-feira, 15, e teceu uma série de críticas ao secretário de saúde, Alysson Bestene, sobrinho do deputado José Bestene (Progressistas).

Gonzaga lembrou que o parlamento é respeitado pelo governador Gladson Cameli e seu vice, Major Rocha, mas não vem sendo respeitado por alguns secretários. “Felizmente teve uma aproximação com essa casa. O governador já teve aqui, o vice já teve aqui com o secretário da Casa Civil, mas infelizmente mas existem secretários que não dão a mínima importância para o parlamento”, disse o tucano ao apontar Alysson Bestene como o culpado pelo caos instalado na saúde.

O deputado revelou que ligou para o secretário, mas ele não teria atendido a ligação e quando atendeu, disse que estava em reunião na Casa Civil. “Como ele tá na Casa Civil se o Ribamar tá aqui na Aleac?”, questionou Gonzaga.

O parlamentar lembrou ainda que a única ambulância do município do Jordão está há nove meses sem funcionar. “Ninguém resolve. Diziam que não era falta de dinheiro, era falta de gestão. E o que está acontecendo?”, pontuou Gonzaga lembrando ainda que a direção da Maternidade de Cruzeiro do Sul está há 5 meses sem receber salários.

“Isso tem que mudar. Secretário tem que ouvir o governo, tem que seguir o governo. Ele não é dono de cargo”, esbravejou Gonzaga.

O discurso do deputado tucano foi elogiado pelos deputados Roberto Duarte, Jenilson Leite e Edvaldo Magalhães.

Por Marcos Venicios / Ac24horas