Rodrigo Forneck convida vereadores para o ato nacional contra os cortes na Educação

O parlamentou convidou os colegas de legislatura para participarem do ato nacional contra os cortes na Educação.

O vereador do PT, Rodrigo Forneck, se pronunciou mais uma vez na tribuna da Câmara de Vereadores de Rio Branco contra a decisão do governo de reduzir em 30% o orçamento das instituições federais. 

“Amanhã vamos às ruas defender o direito de todos os brasileiros e brasileiras ao ensino superior. Convido os meus nobres colegas vereadores a participarem do Dia Nacional de Defesa da Educação. Sugiro, inclusive, que durante a atividade a sessão seja suspensa”, salientou Forneck.

Nesta quarta-feira, 15, o Brasil vai às ruas para protestar contra a decisão do governo Bolsonaro. Em Rio Branco, as atividades do Dia Nacional de Defesa da Educação ocorrem na praça do Palácio Rio Branco e no campus da Universidade Federal do Acre (Ufac), a partir das oito da manhã.

A proposta de Forneck, de suspender a sessão, foi endossada pelo vereador do PCdoB, Eduardo Farias, sendo contestada pelo líder do PSL na Câmara, N. Lima, e o mdbista João Marcos Luz.

Na Ufac, a medida adotada pelo governo federal resulta na perda de R$ 15 milhões em investimentos, enquanto no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (Ifac), o corte representa a redução de R$ 5,8 milhões, afetando diretamente alunos, professores, pesquisadores e o ensino público no Estado.

“Não vamos aceitar mais esse retrocesso, que afeta diretamente os filhos e filhas de Rio Branco que estudam na Ufac e Ifac”, frisou Rodrigo Forneck.