Mulher é presa ao tentar entrar em presídio com celular escondido em vassoura

Mais uma prisão ocorreu no na unidade penitenciária Evaristo de Moraes, no município de Sena Madureira.

Desta vez, agentes penitenciários conseguiram bloquear a entrada de um aparelho celular que estava escondido dentro de uma vassoura, que seria enviada a um detento. O caso aconteceu na última sexta-feira (19).

Segundo um dos seguranças do presídio, como sexta-feira é dia de entrega de alimentos e outros objetos permitidos em portaria, ao revistarem uma sacola entregue por M.R.S.A, foi encontrado o celular dentro de uma vassoura.

“Essa mulher já é reincidente. Em datas anteriores ela havia sido flagrada tentando entrar com outros objetos proibidos, e, assim como na primeira vez, fizemos o procedimento padrão que o caso exige, que é conduzi-la a delegacia, além de prorrogar por mais tempo a possibilidade dela voltar a visitar o presídio”, explicou o coordenador de segurança, Samy Freire.

Nos últimos meses, vários celulares e entorpecentes foram apreendidos com visitantes na hora da revista rigorosa na entrada do presídio de Sena Madureira.

Com informações Sena Online