Saúde em Cruzeiro do Sul antecipa campanha e quer vacinar 22 mil pessoas

Servidores do Hospital do Juruá serão os primeiros imunizados. Seis casos da doença seguem em investigação.

A segunda maior cidade do estado, Cruzeiro do Sul, decidiu antecipar a campanha de vacinação contra a influenza H1N1 e decidiu começar a imunizar os moradores já nesta quarta-feira (10).

O município que tem uma população de quase 90 mil habitantes e tem a meta de vacinar mais de 22 mil pessoas dos grupos prioritários.

Os primeiros a serem imunizados contra a doença serão os servidores do Hospital do Juruá. De acordo com a Secretaria de Saúde, o primeiro lote de doses da vacina já chegou à cidade e todas as unidades básicas terão equipes responsáveis pela aplicação no público-alvo.

“Vamos para as unidades de saúde vacinar os servidores nas suas devidas instituições. No Hospital do Juruá já está marcado para os dias 10, 11 e 12”, anunciou a secretária de saúde, Luciana Ferreira.

As equipes também devem visitar creches para vacinar as crianças de 2 a 5 anos e as escolas para imunizar os servidores. Também serão vacinadas as mulheres que tiverem filho recém-nascidos, os indígenas, os internos do sistema prisional, idosos e os pacientes com doenças crônicas.

Em Cruzeiro do Sul, sete pacientes com sintomas da influenza do tipo H1N1 chegaram a unidades básicas de saúde. Desses, um caso já foi descartado e outros seis ainda estão sendo investigados. De acordo com a secretaria, ainda não tem data para sair o resultado dos exames.

A campanha contra a gripe foi antecipada para alguns estados da região Norte depois que casos do vírus H1N1 foram confirmados no Amazonas e em Rio Branco (AC).

Segundo a secretaria, a campanha de vacinação ainda não tem data para se encerrar. Em Cruzeiro do Sul l, mais de 22 mil pessoas devem tomar vacina contra gripe H1N1.

Por Mazinho Rogério, G1